quarta-feira, março 28, 2007



The bridges of madison county

THE BRIDGES OF MADISON COUNTY

EXT. WINTERSET - MAIN STREET - DAY

Richard and Francesca drive up to the general store to buy groceries. Francesca heads for the store as Richard crosses the street.

(...)

EXT. MAIN STREET - DAY

Francesca places a bag of groceries on the front seat of the truck, then gets in herself to wait for Richard. She takes a deep breath and removes a handkerchief from her bag to wipe the sweat from her face. She freezes - Through the windshield, she sees ROBERT standing beside his truck across the street, staring at her. Her heart stops. For a moment, she isn't even sure he's real. The town moves about its business around them. But neither notice or care. Whatever safety or forgetfulness she felt is gone. Her feelings burst through. She sits there helpless before him -- willing to go or stay depending on what he did. He begins walking towards her. She prepares herself. Her life will change -- it has to. There's not turning back. But the closer Robert gets, the clearer he can see that she is crying. And he stops. Without any words, he realizes what taking her with him would mean. With just a glance, he sacrifices her. With their eyes locked in the middle of Main Street -- in front of the whole town -- they smile and say goodbye. Robert returns to his truck. He drives off down Main Street, taking the first left. Moments later, Richard throws the feed bag into the back of his truck and gets in. Francesca is wiping her eyes. He doesn't notice. He drives off in the same direction as Robert.

FRANCESCA (V.O.)

For a moment, I didn't know where I was. And for a split second, the thought crossed my mind that he really didn't want me -- that it was easy to walk away. As they pass the corner where Robert made his left turn, Francesca turns to look and sees: ROBERT'S TRUCK IS PARKED just off the corner. As if he had to drive away to get out of sight, but couldn't bring himself to drive any further. The sight of him hiding there breaks Francesca's heart, she turns away from her husband to hide the tears.

Este trecho eh um exerto do script do filme "As Pontes de Madison" (The Bridges of Madison County). Eh o trecho mais lindo, polemico, profundo, triste e marcante do filme. A cena descreve o ultimo encontro entre Francesca e Robert. Mas o script nao faz juz a direcao do filme, brilhante nessa cena. Ao ver Robert dirigindo para sempre, Francesca coloca a mao na macaneta da porta (a famosa cena da macaneta... famigerada cena da macaneta!) para sair do carro. Robert espera por ela varios segundos, minutos, no farol... esperando que ela saia do carro, dando-lhe uma ultima chance, como quem dizendo "eh loucura, mas porque nao?". Soh ela, no mundo inteiro, escuta. Ela segura a macaneta... mas solta... e Robert vai embora. E aih sim, ela chora, escondida do marido...

Para compreender a cena, a intensidade, o significado e principalmente a razao pela qual ela toma essa decisao, tem-se que assistir o filme varias vezes. Varias MESMO. Porque mesmo assistindo nas primeiras duas ou tres vezes eh dificil entender, dificil nao gritar "vai!!!". Francesca sabia que aquela era a decisao mais dolorida da vida dela. Minutos antes o que ela pensava? "Minha vida vai mudar, tem que mudar!". Mas nao... nao podia. Roberto entendeu, depois ela entendeu... Tira-la daquela vida seria um sacrificio, um preco muito alto a pagar, irracional. Seria, literalmente, maldade.

A decisao de Francesca eh racional, mas tao triste... e por isso todo mundo chora quando assiste o filme. Porque eh tao dificil ser racional nesse mundo. Mas necessario. E memso que choremos muito, devemos lutar para tomar a decisao certa.

Foi lindo porque tinha um fim. Por perfeito porque efemero. Marcante porque limitado. Inesquecivel porque datado, estipulado.

Que assistemos vinte vezes. E choremos vinte vezes. Nao eh facil ser racional.

postado por Raquel às 9:13 AM | comente aqui 0










Nome: Raquel Amarins
Natural de: Sao Paulo - SP - BRASIL
Idade: 22 anos
Aniversario: 22/11
MSN: raytchell@hotmail.com
Tempo de Au Pair: 24 meses - 2 anos cumpridos, programa acabado

Clique nos logos para ver as fotos!











Todas as informacoes sobre o programa de Au Pair: clique no logo abaixo





O que eh: Um programa de trabalho remunerado nos Estados Unidos, com acomodacao em casa de familia para ser baba por um ano.

Agencia: EF Brasil/Cultural Care Program
Primeira Familia: Rachel e Jay; Zachary (9) e Jacob (5)
Cidade: South Orange - NJ (30 minutos de NYC)
Tempo: jun/05 - jun/06

Segunda Familia: Ingrid e Ursula (10)
Cidade: Milton - MA (20 minutos de Boston)
Tempo: jun/06 - ago/06

Terceira Familia: Irene e Jim; Kallisti (8) e Alexandros (3)
Cidade: Acton - MA (40 minutos de Boston)

Entrega do dossie: 11/03 (chegou em Boston em 14/03/05 e colocado a disposicao das familias em 16/03/05)

Dia V: 20/05/05
Dia D: 12/06/05

Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

x Posts anteriores

Recomeço
8 meses
Joguinho viciante!!!
My boys, my life
Post de 6 meses
"Aos navegantes O que este blog me ensinou sobre ...
ATENDENDO A PEDIDOS
Primeiro salário que não é de au pair!
Do que eu sinto falta...
Ola! Esse post eh escrito diretamente do Brasil. ...


Templates da Lua
TDL


x Arquivos


Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Novembro 2006
Dezembro 2006
Fevereiro 2007
Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Setembro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Abril 2008